Escuderia X defende liderança em Campo Grande

Pilotos da equipe X Motos do Brasil nas classes MX1 e MX3 chegam à quarta etapa do Brasileiro de Motocross no topo da classificação

Fonte: X Motos do Brasil
Jetro Salazar e Davis Guimarães, pilotos da Escuderia X, têm um só objetivo neste fim de semana: a liderança do Brasileiro de Motocross. Salazar espera ampliar a vantagem de seis pontos que ele tem para o segundo colocado na MX1, enquanto Guimarães quer eliminar a diferença de um ponto para o primeiro colocado na MX3.
Nesta semana, além dos treinos físicos e com a moto, a preparação mental também esteve presente na rotina destes pilotos. Eles disputam a quarta etapa do campeonato nacional, realizada em Campo Grande, Mato Grosso do Sul, em 30 e 31 de agosto. “Após Pedra Bonita (segunda etapa), aprendi a lição de que sou meu maior concorrente. Pude dar a volta por cima em Canelinha (terceira etapa), e agora espero uma nova vitória para retornar à liderança da MX3”, diz Davis Guimarães.

Para Jetro Salazar, a euforia de chegar à liderança da principal categoria do campeonato foi substituída pelo entendimento de que se trata somente de um passo em direção ao título. “Sigo fazendo o mesmo, trabalhando para encontrar um ritmo bom nos primeiros dez minutos de prova”, afirma. “Temos mais da metade do campeonato pela frente e preciso me encontrar bem na pista para que saiam os resultados. Nada, que me faça pressão”, avalia.

Na MX2, Pepê Bueno tem como objetivo ocupar uma vaga no pódio. Em sua reestreia nas pistas brasileiras, na etapa de Canelinha, o piloto terminou na sexta posição geral, empatado em pontos com o quinto colocado. “Este foi um resultado melhor do que eu esperava. Nestas duas semanas, mudei um pouco meu trabalho de preparação física e, em Campo Grande, meu objetivo é terminar entre os cinco melhores colocados”, garante.

Léo Almeida fará a estreia de equipamento no fim de semana. A nova moto deixa o jovem piloto animado para buscar um resultado expressivo na classe Junior. “O motor é muito forte e treinei bastante durante toda a semana. Estou bem animado com o que poderei conquistar nesta etapa”, aponta. A classe 65cc volta a ser disputada depois de ficar fora das duas últimas etapas, e Thaina Fontes está na expectativa de subir posições na classificação geral. “Em Três Lagoas fiquei em décimo, e acredito que posso me sair melhor em Campo Grande”, afirma a jovem atleta.

No mesmo fim de semana, Mauriti Junior disputará a quarta etapa do Paranaense de Motocross, realizada em Cidade Gaúcha, a 570 quilômetros de Curitiba. O piloto, que lidera a Intermediária com 65 pontos, espera ampliar a vantagem na categoria e tentará o pódio na MX2. “Estou motivado para esta corrida, com moto nova e disposto a ganhar a Intermediária para abrir vantagem”, diz.

Classificação do Brasileiro de Motocross 2014:


MX1
1) Jetro Salazar | Escuderia X 126 pontos
2) Balbi Junior 120 pontos
3) Jean Ramos 101 pontos
4) Wellington Garcia 98 pontos
5) Carlos Campano 93 pontos

MX3
1) Milton “Chumbinho” Becker 69 pontos
2) Davis Guimarães | Escuderia X 68 pontos
3) Richard Berois 54 pontos
4) Mariana Balbi 51 pontos
5) Erivelto Nicoladelli 44 pontos

Junior
1) Enzo Lopes 75 pontos
2) Frederico Spagnol 52 pontos
3) Vinícius de Sá 52 pontos
4) Gabriel Della Flora 47 pontos
5) Djalma Brito 46 pontos
6) Léo Almeida | Escuderia X 44 pontos

65cc
1) Matheus Favero 25 pontos
2) João Pedro Raimundo 22 pontos
3) Rafael Araújo 20 pontos
4) Bruno Schmitz 18 pontos
5) Joaquim Neto 16 pontos
10) Thaina Fontes | Escuderia X 11 pontos

Add Comment