Valentino Rossi é o terceiro na Itália e sobe para segundo no MotoGP

Nesta corrida a  Movistar Yamaha MotoGP recuperou a primeira posição na classificação entre as equipes.

A sexta etapa do Mundial de MotoGP, que aconteceu no dia 3 de junho no Autódromo de Mugello, teve um sabor especial para Valentino Rossi. O piloto da Movistar Yamaha MotoGP não só celebrou a terceira colocação na corrida, conquistada em seu país, como também subiu na classificação geral do campeonato, ocupando agora o segundo lugar,  a 23 pontos do líder.

Rossi que havia começado bem o fim de semana, largando na pole position, perdeu a liderança na primeira volta. Sofrendo constantes ataques, o piloto italiano chegou a ocupar a quinta colocação. Contudo, Rossi reagiu, deu um show de pilotagem e cruzou a linha de chegada em terceiro. Por pouco ele não faturou a posição de Dovizioso, que chegou poucos metros a sua frente.

Na busca por se recuperar, Maverick Vinãles imprimiu um forte ritmo com sua Yamaha M1, mas em função da deterioração dos pneus, sua evolução não foi além da oitava colocação.
Com o resultado obtido na sexta etapa do campeonato, que terá um total de 18, Rossi agora soma 72 pontos e fica em segundo na classificação geral com 5 pontos à frente de Viñales, que caiu para terceiro.
Graças a pontuação conquistada no GP da Itália, a Yamaha se mantêm em segundo lugar no Campeonato de Construtores, reduzindo para 22 pontos a diferença em relação ao líder.

Já entre as equipes, a Movistar Yamaha MotoGP não só recuperou a primeira posição na classificação, como abriu uma vantagem de 15 pontos.
A próxima etapa será o Grande Prêmio da Catalunha, disputado na cidade de Barcelona, Espanha, no dia 17 de junho.

Add Comment